sábado, 11 de agosto de 2012

Uma atitude inesperada


Um dia uma garotinha da sacada do apartamento em que morava viu um brinquedo que tinha acabado de chegar à loja em frente, então abriu a porta desceu pelas escadas correndo e foi olhar o brinquedo, como seus pais sempre compravam seus brinquedos naquela loja ela já se sentia em casa e foi logo pegando para ver se era tudo aquilo que de longe pensou ser, depois de poucos minutos chegou a empregada da casa vendo o que avia acontecido disse vamos embora filha não fique assim.
Ao chegarem de viagem à noite seus pais notaram que ela estava triste então a empregada lhes contou que havia sido maltratada por uma nova funcionária da loja por estar ainda de pijama, como tinha acordado.
No dia seguinte seu pai foi até a loja. Ao ver a funcionária indignou-se: era uma moça que ele estava ajudando no tratamento de sua mãe, por não ter condições se propôs a fazer todo o tratamento gratuitamente. Ela por sua vez lhe pediu que não parasse o de cuidar de sua mãe, então ele disse:
Em momento algum passou pela minha cabeça interromper o tratamento de sua mãe ate porque ela necessita deste auxílio. Diante dos meus princípios, o que ocorreu com a minha filha não interfere na minha atitude.
O que precisamos rever é que o mal não se paga com o mal. O bem revela atitudes que são apreciadas por todas as pessoas e, além disso, demonstra que somos compreensivos, sabemos respeitar todos os clientes que buscam a loja para adquirirem seus produtos.


PH SOUZA

0 comentários:

Seguidores

No Facebook

Traduzir Blog

Arquivo do Blog

Compare preços