sexta-feira, 10 de agosto de 2012

A injustiça



Existem várias formas de injustiças. Desde pequeno, na escola, já ouvia a professora dizer que o Brasil é um país muito rico, mas sua riqueza é mal distribuída; por exemplo, teremos a Copa de 2014 onde alguns estádios estão sendo reformados e outros sendo construídos; estima-se um valor aproximado de R$6,904 bilhões em gastos e esse dinheiro sairá de vários órgãos públicos e privados. Na questão de ser privado, o dinheiro é deles, mas órgãos públicos, enquanto se investe em belos e confortáveis estádios, a saúde está cada vez mais precária, hospitais sem médicos, pacientes morrendo nas filas sem atendimento. Falando em médicos está aí mais uma injustiça: um médico, no município em que moro, ganha em torno de R$ 6 mil, um policial quase não chega a uns três salários mínimos, um professor menos ainda e você, sabe quanto ganha um deputado, fora os encargos adicionais?
Sem se esquecer do que aconteceu no Rio há pouco tempo atrás, casas, barracos e barrancos desmoronando, pessoas perdendo a vida, outras perdendo tudo que tinham conquistado com anos de esforços.
E as autoridades não fazem questão; fazem até um alvoroço no momento enquanto a mídia está divulgando tudo, mas depois tudo acaba sempre da mesma forma: P I Z Z A. 
E, mais uma vez os contribuintes e povos da classe baixa são quem sofrem com uma administração injusta.


PH SOUZA

0 comentários:

Seguidores

No Facebook

Traduzir Blog

Arquivo do Blog

Compare preços