sexta-feira, 19 de outubro de 2012

O alto preço da precipitação



Muitos falam sobre quem tem pressa, dizem que o apressado come cru.
Estava mais cedo navegando no youtube, vi um vídeo que me chamou muito a atenção e não só isso, aquele vídeo mexeu comigo.
Até onde eu consegui entender, trata-se de um lenhador que vive no campo sozinho com seu filho ainda bebê e, quando ele saía para trabalhar, sua criança ficava sendo vigiada por uma raposa que ele gostava muito e considerava sua amiga.
Sempre que ele passava em um determinado lugar, um homem dizia: lenhador eu já te disse, cuidado com aquela raposa ela é um animal selvagem e não se pode confiar; um dia ela vai ficar com fome e vai devorar seu filho. O lenhador, por sua vez, disse: ela é minha amiga e jamais faria isso.
Um dia aquelas palavras entraram na cabeça do lenhador, ele foi embora incomodado com isso pensando se realmente poderia confiar na raposa e, se ela ficasse faminta, teria coragem de devorar sua criança!
Foi o mais rápido possível para sua casa, a confiança na sua amiga raposa tinha se acabado, as palavras daquele homem haviam destruído uma confiança de muito tempo.
Ao chegar á sua casa, encontrou a raposa deitada no chão, toda cheia de sangue, o chão estava todo ensanguentado. Vendo aquela cena, ele pegou seu machado e cortou a cabeça de sua até então amiga raposa, foi correndo para o quarto ver o que ela tinha feito com o bebê. Ele estava no seu berço dormindo tranquilamente e no chão havia uma cobra morta. A raposa estava, provavelmente ferida, tinha acabado de matar a serpente para defender a criança.
Erros e acertos, tudo que fazemos agora não pode ser corrigido um segundo depois e, muitas vezes, pagamos um alto preço por sermos precipitados.

PH SOUZA

0 comentários:

Seguidores

No Facebook

Traduzir Blog

Arquivo do Blog

Compare preços